Receitas DdD: Batidos Energéticos

Esta semana o Diário de uma Dietista centrou as suas atenções no baixo-peso infantil, nas rejeições alimentares e neofobias.

Assuntos que assustam e fragilizam os cuidadores, pelo risco de carências nutricionais e até de doença ou comprometimento do desenvolvimento.

Por essa razão, hoje trazemos 2 propostas de batidos completos que podem apaziguar os pais, nutrindo os filhos!

Batidos

Uma das estratégias para aumentar o aporte calórico na alimentação das crianças poderá ser escolher alimentos com elevada densidade energética, isto é: 

Em pouca quantidade de alimento, consumir grande quantidade de calorias!

Assim existem alguns alimentos que deve privilegiar, como o abacate, frutos secos e peixes gordos (como o salmão) – alimentos saudáveis mas que têm uma quantidade significativa de calorias por grama.

Poderá gostar de ler…

5 Alimentos saudáveis, mas calóricos!

O aumento do consumo de alimentos processados (ex.: produtos de pastelaria, bolachas, batatas fritas, refrigerantes) não é adequado devido ao alto teor em açúcar e gordura (nomeadamente trans e saturada) que estão associados ao aumento da prevalência de doenças crónicas como diabetes e doenças cardiovasculares.

Leia também…

Os primeiros 1000 dias de vida são decisivos

Hoje trazemos-lhe duas receitas simples, com muitas calorias e muito sabor que poderá servir em lanches, pequenos-almoços ou mesmo a acompanhar a refeição. Com certeza irão adorar!

Publicações da semana:

Receitas

Batido de Cacau

  • 1 chávena de leite meio-gordo
  • ½ abacate
  • 1 colher de sopa de cacau em pó
  • 3 colheres de sopa de manteiga de amendoim
  • 1 colher de chá de pepitas de cacau
  1. Leve os ingredientes ao liquidificador e triture até obter uma mistura homogénea.
  2. Salpique com pepitas de cacau e sirva.

Nota: no caso de intolerância/alergia, poderá substituir o leite de vaca por uma bebida vegetal.

Leia para saber como escolher a melhor opção

Bebidas vegetais na Infância

Batido de morango e aveia

  • 1 chávena de leite meio-gordo
  • 3 colheres de sopa de aveia
  • 1 chávena de frutos vermelhos congelados
  • 1 colher de sopa de frutos secos (cajus, amêndoas)
  • 1 colher de sopa de mel
  1. Leve os ingredientes ao liquidificador e triture até obter uma mistura homogénea.

Nota: no caso de intolerância/alergia, poderá substituir o leite de vaca por uma bebida vegetal. 

Leia para saber como escolher a melhor opção

Bebidas vegetais na Infância

Comparação & Informação Nutricional

Em termos macro-nutricionais, estes batidos são fontes de gorduras “boas” e hidratos de carbono de absorção lenta. São esses que lhes conferem a maior parte das calorias, sendo considerados hipercalóricos por fornecerem mais de 1kcal por grama. São ainda boas fontes de proteína, tão importante para aquelas crianças que rejeitam comer carne, peixe ou ovo.

Não podemos deixar de destacar também o seu conteúdo em micronutrientes e fitonutrientes, dando um contributo decisivo para a saúde:

  • Regulação intestinal e metabólica
  • Promoção do apetite
  • Crescimento saudável
  • Energia, sem picos de excitabilidade, pela sua baixa carga glicémica.

Do que está à espera para testar os batidos energéticos com as suas crianças? 

Fique atento a esta lista de ingredientes para variar as atuais receitas:

  • Qualquer fruta fresca ou desidratada (ex. passa de uva, tâmara, ameixa, alperce…)
  • Frutos oleaginosos (ex. amêndoa, noz, pistachio…) ou a sua manteiga (de amendoim, etc).
  • Cacau em pepita ou em pó
  • Coco ralado ou óleo de coco
  • Cereais (ex. aveia, centeio, espelta…)
  • Sementes: linhaça, chia, girassol
  • Mel
  • Fontes de proteína: clara de ovo, base de leite de vaca, iogurte (ex. skyr), kefir ou bebida vegetal

Apesar destas serem receitas consideradas nutricionalmente adequadas, a alimentação deverá ser o mais variada possível e, por isso, conte com o Diário de uma Dietista para adequar a alimentação das suas Crianças!

JUNHO