Receita da Semana: Creme de beterraba

Hoje é dia de receita da semana para falar sobre uma sopa especial!

Relembre os artigos sobre sopa:

Para variar das tradicionais sopas com base de curgete, hoje sugerimos uma receita diferente:

Creme de Beterraba

4 pessoas | fácil | preparação 15 min. | confecção 50 min

  • beterrabas 5 (500g)
  • cenouras 2 (300 g)
  • alho 2 dentes
  • azeite 2 c. sopa
  • cebolinho q.b
  • cebola 1/4 (30g)
  • laranja 1
  • sal 1 c. sopa
  • pimenta q.b.
  • couve flor (300g)

   Descasque a beterraba e coloque-a em água a ferver juntamente com o alho, a cebola e a  couve flor. Junte a cenoura e o sumo de laranja. Quando estiver tudo bem cozido, tempere com o sal, a pimenta e o azeite (reserve um pouco) e triture com a varinha mágica, de forma a obter um creme homogéneo. Na altura de servir, coloque nos pratos de serviço e salpique com o cebolinho picado e um pouco de azeite.

Tudo sobre...

É uma raiz que existe em duas cores: branca, da qual se extrai açúcar, e vermelha, utilizada na alimentação. Por ser muito rica em ácido fólico, é um ótimo alimento antes e durante a gravidez. Na sua composição encontram-se ainda elevadas concentrações de vitamina A, vitaminas do complexo B e vitamina C.

    Em termos minerais esta raiz é uma boa fonte de sódio, prevenindo a desidratação, de potássio, necessário para a atividade muscular normal, de zinco, essencial aos tecidos cerebrais, e de magnésio, que regula as funções musculares e nervosas.

    Por conter uma baixa quantidade de ferro, devemos associar a beterraba a uma fonte de vitamina C, como um sumo natural de laranja, kiwi ou morangos. É ainda de notar que a beterraba é rica em fibras solúveis e insolúveis, num equilíbrio que auxilia o trânsito intestinal (efeito laxativo). 

   Um dos principais “se-nãos” apontados à beterraba é o seu teor de açúcar (sacarose)!  Contudo, este é um alimento realmente brilhante, pois as fibras solúveis nele contidas abrandam o velocidade de absorção do seu açúcar, tornam-se um alimento ótimo para diabéticos e dietas de emagrecimento. 

  SUGESTÃO: consuma a beterraba crua ou cozida ao vapor para que não haja perdas significativas de nenhum dos seus nutrientes.

Apesar de não ser habitual, se encontrar a planta completa (raíz + folhas) aproveite! As folhas da beterraba, apesar do seu sabor amargo, são muito ricas em carotenóides e diversas vitaminas. Sugiro que as cozinhe salteadas com alho e azeite para amenizar o seu travo.

    A beterraba é um alimento de excelência! Consuma-a diariamente!